TCU aprova renegociação da Telebrás

 

O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou hoje a renegociação de preços feita pela Telebrás com as empresas que venceram a licitação para o fornecimento de infraestrutura dos chamados Pontos de Presença (POPs), que farão a distribuição dos dados da rede da estatal para os usuários do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL).De acordo com a Telebrás, a renegociação resultou em uma redução de R$ 43,9 milhões nos preços obtidos nos leilões do ano passado para as regiões Sudeste, Nordeste e Sul. Com isso os valores totais caíram de R$ 411,6 milhões para R$ 367,7 milhões.

O presidente da Telebrás, Caio Bonilha, afirmou em nota que a paralisação causada pelo questionamento do TCU atrasou em pelo menos 75 dias a implantação da rede, mas o impacto foi mitigado por acordos de compartilhamento das redes de outras empresas. Segundo ele, a estatal retomará imediatamente o plano de negócios e os trabalhos de interligação de 3.045 municípios nessas regiões.

A Telebrás, porém, não levou a cabo a renegociação dos contratos referentes à Região Norte, que continuará dependendo do acordo firmado no mês passado com a Eletronorte, para ampliação do atendimento de banda larga. O PNBL tem como meta levar a conexão de internet 1 megabits por segundo (Mbps), por R$ 35 mensais, a todo o País até 2014.

Fonte:https://abilitytec.wordpress.com/wp-admin/post-new.php

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s